5 indies para 2016

NO MAN’S SKY
Junho | PC, PS4nms

Se no início os indies eram sinónimo de experiências focadas e com uma escala pouco ambiciosa, tudo mudou com Minecraft. Acabaram-se os objectivos e um novo adjectivo virou vício na boca de jornalistas e produtores: procedimental. Em 2016, No Man’s Sky faz com que a galinha de ovos de ouro de Marcus “Notch” Persson pareça o Minesweeper. Quem diria que os tipos responsáveis por Joe Danger criariam um universo inteiro com planetas à escala real? Entretanto alguém anda a comparar os mapas de GTA V, Fallout 4 e The Division. Há lá coisas…

Neste momento, contudo, No Man’s Sky é para mim quase uma birra. Entre o silêncio prolongado em torno da data de lançamento e o ocasional (aparentemente inevitável nesta geração) adiamento, o hype dissipou-se. Ainda assim, quero que o jogo seja tudo o que foi prometido, e vindo de uma produtora independente, quero muito, muito, muito que os indies ainda sejam sinónimo de integridade, daí a birra. Não me faz mossa que a Ubisoft me prometa liberdade na abordagem das missões em Assassin’s Creed e que o resultado final seja algo mais linear do que o Tétris, mas os indies (os bons indies, não o Goat/Ant/Bread Simulator) são um bastião de promessas credíveis e assim devem permanecer.

Mais especificamente, No Man’s Sky é a promessa de um universo vasto por descobrir, com inimigos e segredos e um objectivo no coração da galáxia para quem quiser mais do que perder-se entre as estrelas. É também o maior manifesto do movimento indie, provando que uma pequena equipa com uma boa ideia e jeito para a coisa pode mais do que um estúdio de centenas de profissionais conceituados com o apoio (leia-se limitados por) de uma grande editora. Não é de estranhar que os criativos comecem a fazer os próprios estúdios.

<< Página anterior | Próxima página >>

Advertisement

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.